Uma foto bem tirada e seus clientes começam a comer com os olhos!

Hoje, com o avanço das redes sociais e a facilidade de “criar conteúdo” com o celular, os empresários (sobretudo do ramo da gastronomia), tem um novo desafio: a qualidade.

Muitas vezes, a sensação de postar logo acaba criando no restaurante uma imagem equivocada, ou pior, pouco atrativa.

Comida tem a ver com textura, cor, suculência… muitas vezes, em uma foto bem tirada, a boca chega a encher d’água. Será que o celular consegue fazer isso?

Muitas vezes acabamos escolhendo o restaurante pelas redes sociais. Um processo natural, que passa diretamente por gostar do que foi postado. E uma boa foto é exatamente este processo de escolher onde tirar, iluminação, posição do prato, ângulo em que a foto será tirada, organização, limpeza… é sim um trabalho de profissional.

No entanto, se você é do ramo gastronômico e tem essas noções, separamos algumas dicas para deixar ainda mais atrativo seu conteúdo.

1. Limpeza de onde será tirada a foto: um prato bem limpo, quase artificialmente limpo, ajuda a causar no internauta uma sensação de organização no restaurante. Afinal, mesmo no meio da correria, tiveram tempo de arrumar o que foi servido e fotografado.

2. Local onde a foto será tirada: É muito melhor uma foto no ambiente em que o cliente estará do que em um fundo “neutro”. Tons de madeira e iluminação amarela também ajudam bastante a dar “fome”. Por isso, que tal fazer fotos na mesa, com o salão de fundo? Assim o potencial cliente já se ambientiza antes mesmo de chegar!

3. Iluminação: É sempre bom que a iluminação seja natural (a do restaurante mesmo). No entanto, é mais importante ainda que o prato fique nítido. Por exemplo, se for uma carne com um molho, a foto precisa refletir a suculência e o molho para que quem está vendo pelo celular perceba isso. O que nos leva a próxima dica!

4. Posição da foto: Fotos de cima não são atrativas. De frente, depende da montagem. Fotos nas quinas do prato sempre são mais interessantes, porque costumam favorecer os ingredientes e ainda aproveitam melhor as luzes do ambiente.

5. Não minta: No prato em que você for fotografar, não pode ter nada diferente do que será servido ao cliente, tanto em produtos quanto em quantidade. É importante ser sincero e real na hora de divulgar seus produtos.

Sempre lembrando que essas dicas são para a correria do dia a dia e das redes sociais. No entanto, sempre que possível é bacana ter uma agência de publicidade e um fotógrafo fazendo materiais de qualidade alta para que sua página fique ainda mais lindona.

Se tiverem qualquer outra dúvida ou quiserem saber mais sobre o meu trabalho, é só me seguir no Instagram, @victorcopola 😉

Deixe uma Resposta

catorze + 14 =