Gustavo Franceschini apresenta gelato Lacrima Greca com Pistachio: receita garantiu vaga na final nacional do Gelato Festival Challenge. Foto: Divulgação/Fispal

A Mio Sogno di Gelato vai representar a região na final nacional do “Gelato Festival Challenge”. A gelateria participa do concurso promovido pela empresa italiana Carpigiani e agora vai concorrer a uma vaga na final mundial que acontece na Itália, em 2021, e reúne as melhores gelaterias do mundo.

Gustavo Franceschini, mestre gelataio e um dos sócios da Mio, conta que já tinha passado pela etapa classificatória, nos meses de abril e maio. Das cerca de 60 gelaterias participantes, apenas nove foram selecionadas para a semifinal que aconteceu na última semana, durante a Fispal Food Service, em São Paulo.

“Nós apostamos numa receita que mistura inovação e técnica. Muita gente prefere levar para essas competições os sabores tradicionais, mas, desde o começo, a nossa ideia era inovar. E assim conseguimos ficar entre os três selecionados para a final nacional”, afirma Franceschini.

O gelato apresentado, que conquistou os jurados e caiu no gosto popular (responsável por 50% da nota no concurso), foi o “Lacrima Greca con Pistachio”. Gustavo conta que nessa receita usa uma base tradicional e centenária feita com gema, açúcar e leite, levada ao fogo com temperatura controlada para fazer a pasteurização.

Para saborizar, o mestre gelataio aposta no misk, resina de uma árvore grega (que tem o nome científico de Pistacia Lentiscus, e como o nome sugere, é parente do pistache). Essa árvore que “chora” e cuja resina escorre pelo tronco – daí o nome “lágrima grega” – é encontrada em todo o Mediterrâneo, mas o único lugar do mundo em que ocorre esse fenômeno é o sul da ilha de Quios na Grécia.

“Quando a gente coloca o gelato na boca, primeiro sente a cremosidade, depois vem o frescor e o herbal da ‘lágrima grega’, seguido da crocância do pistache que é caramelizado, deixando ainda um salgadinho no final”, explica.

Para quem ficou curioso, o gelato “Lacrima Greca con Pistachio” deve estar disponível em breve na vitrine da Mio Sogno di Gelato. Vale acompanhar as novidades pelas redes sociais da gelateria.

Copa do Mundo de Gelatos. No começo do mês, entre 3 e 5 de junho, Gustavo Franceschini também integrou a equipe brasileira no 4º Campeonato Latino-Americano de Gelato Artesanal realizado na Argentina. A seletiva valia uma vaga para Copa do Mundo de Gelato, que acontece a cada dois anos na Itália.

A equipe comandada por Frederico Samora, da Carpigiani Gelato University, ainda contou com a participação de Brenno Floriano (San Lorenzo Gelateria – São Paulo) e Marcone Calazans (que assina o cardápio de sobremesas da Mondo Gastronômico, do chef Salvatore Loi).

“Essa é uma competição muito difícil, a equipe argentina é muito forte e estávamos mirando o segundo lugar. Ao longo de toda a disputa conseguimos manter essa colocação, que já garantiria a vaga na Copa do Mundo, mas durante uma das provas cometemos um erro bobo, erramos na pesagem de um petit four e acabamos perdendo muitos pontos, o que resultou na nossa desclassificação”, conta o mestre gelataio.

Vale lembrar que, em 2017, a Mio conquistou uma menção honrosa no “Gelato World Tour” com o “Mio Chocolate Belga”, considerado o melhor gelato da região sudeste do país.

Mio Sogno di Gelato
Av. Cassiano Ricardo, 319 (Pátio Mall), loja 22 – São José dos Campos
www.facebook.com/miosognodigelato / Intagram:@miosognodigelato

Deixe uma Resposta

2 + 15 =